quinta-feira , 19 outubro 2017
Casa / TECH / Philips lança lâmpada EcoVantage 30% mais Econômica

Philips lança lâmpada EcoVantage 30% mais Econômica

As lâmpadas mais econômicas, já estão para lá de disponíveis no mercado brasileiro, apesar das lâmpadas LEDs ainda não estarem nos grandes varejistas para toda a população, a cultura de que as lâmpadas econômicas são mais caras está ficando para trás.

Apesar do preço ainda alto, as lâmpadas ecolológicas ainda não atraem algumas pessoas pois elas possuem uma iluminação fria, o que faz as pessoas comprarem as lâmpadas incandescentes. Alguns designers de ambiente ainda as usam.

A Philips, uma das maiores fabricantes de lâmpadas incandescentes do mundo lançou uma novo modelo de lâmpada chamado Philips EcoVantage que em comparação ao velho modelo, só tem o bulbo, pois o filamento que faz que a lâmpada forneça luz, foi extinto, pois este novo modelo é 28% mais econômico do que o modelo incandescente.

[ad#dicas-verdes-meio-textp]

Os modelos de 29 watts EcoVantage luz substituem as lâmpadas incandescentes de 40 watts-padrão, a lâmpada[bb] de 43 watts, substitui as lâmpadas incandescentes de 60 watts e 72 watts a lâmpada substitui a incandescente de 100 watts.

EcoVantage luzes são reguláveis, e isentas de mercúrio, o que mostra que mesmo com todos os incentivos para compra de lâmpadas mais ecológicas, existem pessoas que ainda precisam destas lâmpadas mais baratas, pois nem todo mundo consegue comprar as mais caras. Assim substituir as incandescentes por uma que seja 30% mais econômica traz economia para o bolso e para o meio ambiente. Todos ganham.

Fica a dica 😀

Via > Jetsongreen

Sobre Fernando Goulart

Fernando Goulart é um Empreendedor Web que escreve e presta consultoria sobre Sustentabilidade, Geração de Energia e Tecnologia Sustentável. Gosta muito de "desconstruir" ou "desmontar" coisas, possui muitas ferramentas, gosta de sorvete de flocos, aprecia cerveja escura adora um Projeto Caseiro.

Um comentário

  1. Sergioluisdias29

    e uma lampada de carro numa normal nao entedi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *