11 Suplementos Naturais para Menopausa

Ad Blocker Detectado

Nosso site precisar exibir anúncios on-line para nossos visitantes. Por favor, considere nos apoiar, desativando o seu bloqueador de anúncios.

11 Suplementos Naturais para Menopausa.

Cálcio: Prevenindo a Perda Óssea

A perda óssea pode se tornar um problema sério, uma vez que os níveis hormonais caem após a menopausa. É extremamente necessário obter cálcio suficiente.

Mulheres com menos de 51 anos precisam de 1.000 miligramas de cálcio por dia. 

Mulheres com 51 anos ou mais precisam de 1.200 miligramas por dia.

Dica: Existem diversos alimentos que podemos obter o cálcio.

Se houver a necessidade de você precisar de suplementos para complementar, ingira em doses menores com alimentos durante o dia (não mais do que 500 mg de cada vez).

 Você vai absorver melhor.

Cohosh Preto: Ajuda nas Ondas de Calor

O Cohosh Preto é um dos suplementos mais bem estudados para a menopausa. É feito a partir da raiz da planta negra norte-americana de Cohosh.

Vários estudos descobriram que ajuda – especialmente com ondas de calor – quando comparado ao placebo (um tratamento falso). Mas outros estudos não encontraram um benefício.

Atenção : não use se você tiver problemas no fígado.

Linhaça: Facilitando Suores Noturnos

O óleo de linhaça e linhaça pode ajudar algumas mulheres com sintomas leves de menopausa. É uma boa fonte de lignanas, que tendem a equilibrar os hormônios femininos.

11 Suplementos Naturais para Menopausa

Nem todos os estudos mostraram esses benefícios no alívio de ondas de calor, no entanto.

Trevo Vermelho: Popular, mas não comprovado

Muitas mulheres usam o trevo vermelho na esperança de que seus estrogênios vegetais naturais aliviem seus sintomas da menopausa. Até agora, porém, os resultados da pesquisa foram mistos.

Muitas mulheres usam o trevo vermelho na esperança de que seus estrogênios vegetais naturais aliviem seus sintomas da menopausa. Até agora, porém, os resultados da pesquisa foram mistos.

Apesar da preocupação inicial, estudos recentes não mostraram um aumento no câncer de útero quando as mulheres tomaram o trevo vermelho por 3 meses.

Mas é sempre melhor conversar com seu médico se estiver preocupado.

Vitamina D: Tome banho de Sol

A vitamina D é tão importante quanto o cálcio para a saúde dos ossos. Sem vitamina D, seu corpo não pode absorver cálcio.

A maioria dos adultos precisa de 600 UI por dia. Pessoas com 71 anos ou mais precisam de 800 UI por dia. A vitamina D está em muitos alimentos e suplementos, mas há outra fonte: o sol.

Dica: Você pode ter ouvido que seu corpo produz vitamina D quando exposto ao sol. Isso é verdade, mas mesmo pequenas quantidades de sol podem causar danos à pele.

É melhor se concentrar em comida e usar suplementos se você não conseguir o suficiente em sua dieta.

Ginseng: Aumento de Humor

Alguns estudos encontraram evidências de que os diferentes tipos de ginseng podem ajudar a melhorar a qualidade de vida durante a menopausa.

O ginseng mostrou aumentar o humor e melhorar o sono.

Mas até agora, os estudos não descobriram que o ginseng americano ou coreano ajuda com sintomas físicos da menopausa, como ondas de calor.

Yam Selvagem: Alternativa para Hormônios

Pílulas e cremes feitos a partir de certas espécies de inhame selvagem são alternativas populares para a terapia hormonal para a menopausa.

Alguns dos compostos naturais desses inhames parecem semelhantes ao estrogênio e à progesterona, mas é possível que eles não sejam ativos nas pessoas.

Até agora, os estudos clínicos não descobriram que aliviam os sintomas da menopausa.

Erva de São João: Controle de Humor

A erva de São João é um tratamento bem conhecido para depressão leve. Mas também pode ter um benefício especial para as mulheres durante a menopausa.

Há algumas evidências, particularmente quando combinadas com o Cohosh preto – que a erva de São João pode melhorar o humor e suavizar as mudanças de humor ligadas à menopausa.

DHEA: Hormônio da Juventude

Os níveis naturais do hormônio DHEA diminuem em nossos corpos após os 30 anos. Alguns estudos pequenos descobriram que os suplementos de DHEA aliviam os sintomas da menopausa, como baixa libido e ondas de calor.

A evidência é mista. Outros estudos não encontraram benefícios. Existe alguma preocupação de que o uso a longo prazo ou altas doses de DHEA podem aumentar o risco de câncer de mama.

Dong Quai: Imperatriz das Ervas

Dong quai tem sido usado na medicina chinesa como tratamento para a saúde das mulheres há milhares de anos. Mas a pesquisa nos últimos tempos não encontrou evidências para sustentar isso.

Um estudo de dong quai para determinar seus efeitos nas ondas de calor durante a menopausa não encontrou benefícios.

Como dong quai pode ter alguns riscos, incluindo câncer quando tomado a longo prazo, consulte um médico antes de usá-lo.

Soja : Alívio ondas de Calor

Mulheres na menopausa nos EUA têm oito vezes mais chances de ter ondas de calor do que mulheres em países asiáticos.

A soja da dieta asiática poderia explicar a diferença? Possivelmente. Estudos descobriram que a soja é modestamente eficaz no alívio de ondas de calor.

Alimentos à base de soja (como nozes de soja e tofu) e suplementos de fitoestrógenos – compostos semelhantes ao estrogênio encontrados em algumas plantas.

Às vezes são usados ​​para aliviar leves ondas de calor. A pesquisa não é conclusiva, no entanto.

Seus Suplementos

Converse com seu médico ou farmacêutico sobre os suplementos que você toma. Lembrar:

Veja também

Todos os suplementos têm efeitos colaterais em potencial.

Suplementos e ervas podem interagir com alguns medicamentos que você toma. Eles poderiam aumentar ou negar o efeito de um medicamento. Ou a interação poderia causar outros problemas.

Algumas ervas podem causar reações alérgicas.

Deixe seu Comentário