Remédios Caseiros para tratar Gastrite

Ad Blocker Detectado

Nosso site precisar exibir anúncios on-line para nossos visitantes. Por favor, considere nos apoiar, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Remédios Caseiros para tratar Gastrite.

Entre os remédios naturais mais fáceis e que é o primeiro passo para tratar a gastrite é mudar sua alimentação. As quatro principais causas de gastrite podem ser abordadas de alguma forma por essa mudança.

Uma Alimentação voltada para gastrite se concentra em aliviar as causas comuns de gastrite e pode ser um tratamento eficaz para gastrite.

 A Bactéria Helicobacter Pylori

Sulphorphane, um nutriente que é encontrado no brócolis, tem a capacidade de eliminar H. pylori no revestimento do estômago, e até mesmo trabalha com cepas resistentes aos antibióticos.

Embora o brócolis contenha sulforfano, os brotos de brócolis são os melhores – contendo até 50 vezes mais que o brócolis maduro. 

Suplementos de sulfurano também podem ser usados. O alho pode ser usado para combater a bactéria H. pylori como antimicrobiana e antifúngica. H. pylori, também pode ser interrompido por uma alimentação rica em fibras, por isso coma diariamente se possível, coma alimentos,  exemplo como aipo, couve e brócolis.

Deficiência de B12

A deficiência desta vitamina pode ser resolvida pela ingestão de alimentos que aumentam a absorção de vitamina B12, incluindo probióticos das espécies Lactobacillus e Bifidobacterium, como iogurte, chucrute e pão de fermento.

A adição de probióticos aumenta a capacidade do estômago de ingerir nutrientes, incluindo a vitamina B12, tornando-o um possível tratamento para gastrite.

Efeitos Colaterais de Medicação

Os probióticos são ótimos para proteger e reverter os danos do intestino de medicamentos, também através de alimentos como gengibre, vinagre de maçã, orégano, chá verde e abacaxi.

Todos estes alimentos são excelentes para o estômago e ajuda a aliviar certos sintomas de gastrite, como dor de estômago, inchaço e azia.

A vitamina A, é essencial para o tecido do estômago e para o reparo da membrana danificado pela gastrite. Alimentos que contêm grande quantidade de vitamina A, incluem espinafre, fígado, cenoura, aspargo e frutas como pêssegos e damascos.

Outras Causas Alimentares

A gastrite geralmente é causada pela ingestão de alimentos que geram a gastrite e seus sintomas.

Para evitar a gastrite, é essencial controlar a ingestão de alimentos ácidos e o uso de álcool.

Mantenha anotações de sua alimentação diariamente e atente se houver algum tipo de sintoma após a ingestão. Assim, você poderá identificar quais alimentos desenvolvem sintomas desconfortáveis.

Remédios Caseiros para tratar Gastrite

Os remédios naturais ou caseiros para tratar os sintomas imediatos da gastrite geralmente se concentram na abordagem de três sintomas diferentes: regulação da bactéria H. Pylori, redução da inflamação e redução da acidez.

Além disso, para realizar a primeira destas tarefas, a regulação das bactérias H. Pylori, são utilizados dois métodos principais: compostos antibacterianos e compostos que promovem a digestão mais rápida.

Sementes de Carambola

Para tratar o aspecto da acidez da gastrite, as sementes de carambola podem ajudar.

Podendo ser usado como tratamento para indigestão e inchaço, as sementes de carambola são conhecidas por terem muitos efeitos benéficos na saúde digestiva. 

Você pode comer as sementes moídas misturando-as com água ou bebendo o líquido coado depois de ferver com água.

Gengibre

O gengibre é outro ingrediente que pode ser bom para sua saúde. Como um ingrediente anti-bacteriano e anti-inflamatório, é especialmente bom no tratamento da causa mais comum de gastrite: a bactéria H. Pylori.

Pode-se tomar este remédio colocando gengibre na culinária, fervendo chá de gengibre ou até mastigando um pedacinho de gengibre. Uma receita frequentemente recomendada é preparar um chá de gengibre, adicionar mel  e beber.

Chá de Camomila

O chá de camomila é outro grande remédio caseiro para reduzir a inflamação e ajudar a saúde digestiva em geral. A camomila é uma planta da família das margaridas cuja flor é usada predominantemente na Ásia para fazer chá.

Esta flor contém ingredientes calmantes e óleos essenciais benéficos para gastrite, entre outros efeitos para a saúde.

Este chá é feito colocando todas as flores secas ou saquinhos de chá em água quente. Água fervente não é recomendada, pois pode danificar os óleos ativos e, assim, inibir seus efeitos benéficos.

Esta flor contém ingredientes calmantes e óleos essenciais benéficos para gastrite, entre outros efeitos para a saúde.

Este chá é feito colocando todas as flores secas ou saquinhos de chá em água quente. Água fervente não é recomendada, pois pode danificar os óleos ativos e, assim, inibir seus efeitos benéficos.

Óleo Essenciais Hortelã-pimenta

A pimenta e óleo de hortelã especificamente contém compostos anti-inflamatórios e anti-bacterianos que ajudam com os sintomas da gastrite.

Óleo de hortelã-pimenta contém mentol, que também é conhecido como um ingrediente ativo em gotas de tosse. Em forma de pastilhas para a garganta, mastigar as folhas, tomar comprimidos ou colocar folhas na comida pode proporcionar alívio para o estômago.

Consumir Repolho

O suco de repolho é um remédio caseiro comumente usado para gastrite. Os repolhos contêm muitos antioxidantes poderosos e outros nutrientes essenciais, incluindo vitamina B1, vitamina B2, magnésio, cálcio e fibra alimentar.

O consumo de repolho tem sido associado à redução dos níveis de colesterol no sangue e proteção contra a bactéria H. pylori que causa gastrite. O repolho contém kaempferol e glucosinolatos, compostos que podem ser usados ​​como um tratamento para gastrite e outras bactérias que causam úlceras no estômago.

O consumo regular de repolho, sob a forma de suco de repolho, pode ajudar a reduzir sua gastrite, fornecendo propriedades anti-inflamatórias e vitaminas essenciais.

Além da gastrite, o aumento da ingestão de repolho é conhecido por melhorar a saúde e sistema imunológico em geral.

Ao preparar o repolho, cozinhá-lo pelo menor tempo possível para manter a quantidade máxima de nutrientes. A maneira mais comum de aumentar a ingestão de repolho é preparando suco.

Este método é ótimo para prevenir problemas de estômago, embora se você já tiver gastrite, comer repolho em forma crua pode perturbar seu estômago. 

Outras opções incluem receitas com repolho cozido. Repolho também pode causar aumento da produção de gás, o que pode perturbar o estômago e causar irritação adicional. 

Consumo de repolho também pode causar mau hálito, fadiga e sensação de frio. Se essas condições ocorrerem, diminua a ingestão e consulte um médico.

Vinagre de Cidra de maçã

O vinagre de maçã é um remédio popularmente conhecido por suas diversas funções, inclusive na saúde. É um excelente agente antifúngico e, quando diluído em água, aumenta a produção de ácido clorídrico no estômago.

O alimentação para gastrite incluindo vinagre de maçã melhora a digestão, ajudando o estômago a quebrar os alimentos e previne a inflamação do revestimento do estômago.

A gastrite é por vezes causada pela redução do ácido clorídrico, pelo que tomar o vinagre de maçã pode ser eficaz para pessoas que sofrem de ácido desequilibrado no estômago.

O vinagre de maçã contém ácido málico, que atua como um tampão no estômago e permite que o pH se estabilize, permitindo que bactérias saudáveis, essenciais para o funcionamento digestivo diário, floresçam.

O vinagre de maçã também aumenta a absorção de cálcio e outros nutrientes que melhoram a cura e ajudam a aliviar as irritações do estômago. O vinagre de maçã contém propriedades antimicrobianas que impedem que outras infecções baseadas em fungos se instalem no estômago.

É sempre aconselhável, diluir o vinagre de maçã para tratamento de qualquer condições de saúde.

Misture uma colher de sopa de vinagre de maçã crua e não filtrada em um copo de água é um remédio caseiro comum para a gastrite e pode ser tomado diariamente.

 Outra opção é beber vinagre de maçã diluído antes ou depois das refeições para maximizar as propriedades digestivas.

https://www.youtube.com/watch?v=w_LP066IDBY

O vinagre de maçã pode afetar negativamente a gastrite se combinado com outros líquidos ácidos, exemplo como o suco de cranberry. 

Se o vinagre de maçã causar algum desconforto no seu estômago, interrompa o uso. Se você achar que o vinagre de maçã não está ajudando a melhorar a gastrite, então tenha cautela e a moderação nas quantidades administradas.

Gastrite de olmo escorregadio

O elm escorregadio, ou Ulmus rubra, pode ser usado como tratamento para remédios caseiros.

 A casca interna em pó tem qualidades de produção de mucilagem que podem ser usadas para tratar a gastrite, construindo o revestimento de muco do estômago que foi danificado pela gastrite. 

A mucilagem torna-se um gel escorregadio quando misturado com água e pode revestir e proteger o revestimento do estômago danificado.

Também desencadeia as terminações nervosas para produzir muco, que protege contra úlceras e contém propriedades anti-inflamatórias que ajudam a aliviar a inflamação do estômago e do intestino. 

Além de propriedades anti-inflamatórias e mucilaginosas, o olmo também é altamente nutritivo e pode ser uma parte frutífera de uma dieta de gastrite.

A casca interna é pulverizada e tomada na forma de comprimidos ou cápsulas, pastilhas ou pó para fazer chás. É aconselhável beber chá de olmo escorregadio feito com aproximadamente duas colheres de sopa de casca de pó três vezes ao dia.

Tomar cápsulas três vezes ao dia por até oito semanas também pode ser eficaz.

 Combinando olmo-escorregadio com outras ervas, incluindo a pimenta caiena é conhecido por aumentar as propriedades curativas e prevenir o sangramento intestinal.

Consulte também a bula e um profissional de ervas, se você deseja um tratamento totalmente natural, sem passar por efeitos colaterais que os medicamentos geralmente desencadeiam no organismo.

O tratamento de olmo escorregadio pode proporcionar alívio para alguns sintomas de gastrite, como dor abdominal e náusea. 

O olmo escorregadio não tem efeitos colaterais graves, embora o uso prolongado de remédios fitoterápicos possa desencadear efeitos colaterais ou causar complicações com os medicamentos existentes.

No entanto, os remédios à base de ervas não devem ser o único tratamento que você procura para gastrite – a maioria das causas de gastrite, como a infecção por H. pylori e a deficiência de vitamina B12, provavelmente vão precisar de maior atenção médica.

Você pode usar os remédios naturais, como tratamento adicional. E lembre a mudança na alimentação é o primeiro chute inicial para o tratamento e procurar atendimento médico.

Os alimentos que não devem ser consumidos quando durante a gastrite nervosa são as gorduras trans, frituras, café, erva-mate ou chá preto, especiarias quentes, como pimenta ou curry. Também não é aconselhável consumir álcool.

Embora esses tratamentos listados acima tenham eficácia comprovada, consultar um médico para um diagnóstico preciso antes de usar a maioria dos remédios caseiros é o melhor curso de ação.

Se você ou um ente querido estiver passando por sintomas semelhantes aos da gastrite, você deve marcar uma consulta médica com especialista.

Deixe seu Comentário