domingo , fevereiro 23 2020
Home / ECONOMIA / Ataques com mísseis iranianos deixaram 50 soldados americanos feridos

Ataques com mísseis iranianos deixaram 50 soldados americanos feridos

Ataques com mísseis iranianos deixaram 50 soldados americanos feridos

Destroços na base de Ain al-Asad, oeste do Iraque, após ataque com mísseis iranianos – AFP/Arquivos

Cinquenta soldados americanos ficaram feridos no ataque com mísseis executado pelo Irã no território do Iraque no início do mês, informou o Pentágono em um balanço atualizado de vítimas.

Os militares foram diagnosticados com lesões cerebrais traumáticas, afirma em um comunicado o tenente-coronel Thomas Campbell, porta-voz do Departamento de Defesa dos Estados Unidos.

As autoridades militares americanas anunciaram na sexta-feira um balanço de 34 soldados feridos no ataque contra a base de Ain al-Asad (oeste do Iraque) durante a madrugada de 7 para 8 de janeiro.

Em um primeiro momento, o presidente americano, Donald, Trump, afirmou que nenhum americano havia sido ferido no ataque com mísseis.

Durante a madrugada de 7 para 8 de janeiro, o Irã lançou mísseis contra as bases de Ain al-Asad e Erbil (norte), onde estão mobilizados parte dos 5.200 soldados americanos no Iraque.

O ataque foi uma represália ao assassinato do general iraniano Qasem Soleimani, morto em uma operação com drones em 3 de janeiro perto da capital iraquiana, Bagdá.

Campbell disse que dos 50 soldados feridos, 31 receberam tratamento no Iraque e retornaram ao serviço, enquanto 18 passavam por exames na Alemanha. Outro ferido foi levado para o Kuwait e já voltou ao serviço.

No momento do ataque, a maioria dos 1.500 soldados da base estavam em bunkers, após uma advertência dos superiores.


Fonte >Istoé

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *