quarta-feira , abril 1 2020
Home / DINHEIRO / Cadastro Positivo ATIVO pode reduzir o seu score de crédito?

Cadastro Positivo ATIVO pode reduzir o seu score de crédito?

O Cadastro Positivo existe desde 2011, mas somente agora ele passou a ser efetivo de fato, valorizando os bons pagadores. Anteriormente, como a adesão era facultativa, os bancos de dados eram muito menores do que com a inclusão automática como funciona atualmente e as empresas consideravam mais o cadastro negativo do que o histórico de pagamento. A intenção é que o Cadastro Positivo realmente funcione, e favoreça somente os bons pagadores com a possibilidade de oferta de crédito com menores taxas de juros, mas isso ainda não está acontecendo. Uma das principais dúvidas em relação ao Cadastro Positivo, é se ele pode também reduzir o seu score de crédito. Tire as suas dúvidas aqui.

É provável que você também goste:

5 Séries com lições sobre empreendedorismo na Netflix para se inspirar

Saiba como usar o simulador da NuConta e entenda por que é uma das melhores opções de renda fixa

Consumidor que não tem cartão de crédito pode reduzir drasticamente o score de crédito no Cadastro Positivo

Cadastro Positivo ATIVO pode reduzir o seu score de crédito?

Primeiramente, vamos esclarecer alguns pontos antes de tirar a sua dúvida. É importante conhecer alguns conceitos para um melhor entendimento.

O que é score de crédito?

O score de crédito é uma nota de crédito definida pelos birôs de crédito autorizados pelo Banco Central do Brasil, como SPC Brasil, Serasa Experian, Boa Vista e Quod.

Basicamente, o score de crédito varia de 0 a 1.000 pontos, e entre outros critérios, difere de acordo com a pontualidade nos pagamentos realizados pelo consumidor. Ou seja, dívidas em atraso ou negativadas, impactam negativamente no score de crédito.

Quais são as pontuações do score de crédito?

As pontuações variam entre 0 e 1.000 pontos, sendo que o quanto mais próximo de zero, maior é o risco de inadimplência. Dessa forma, quanto maior for a sua nota de crédito, menor será o risco de inadimplência, aumentando as chances de ter um cartão de crédito aprovado, por exemplo.

  • 0 e 300 pontos: alto risco de inadimplência
  • 301 a 700 pontos: médio risco de inadimplência
  • 701 e 1000 baixo risco de inadimplência

Cabe ressaltar que cada birô de crédito possui um banco de dados distinto e utiliza parâmetros diferentes. Exatamente por esse motivo, você nunca terá a mesma nota de crédito em todos os birôs ao mesmo tempo.

O que é o Cadastro Positivo?

O Cadastro Positivo

é um banco de dados com informações de operações financeiras e de obrigações de pagamento, de pessoas físicas ou jurídicas. Ele possibilita a visualização de todo o comportamento do consumidor e o seu histórico de pagamento.

A nova versão do Cadastro Positivo substitui o que estava previsto na Lei Federal 12.414, de 09/06/2011. As novas regras foram definidas com o texto da Lei Complementar 166/2019, sancionado em abril de 2019 pelo presidente Jair Bolsonaro.

Antes da alteração, você precisaria aderir ao Cadastro Positivo. Isso não é mais preciso, pois a inclusão passou a ser automática, e você precisa decidir apenas se mantém ativo ou se solicita a exclusão do cadastro.

Justamente neste ponto, surge a dúvida: será que o Cadastro Positivo pode reduzir o seu score de crédito?

O Cadastro Positivo pode reduzir o seu score de crédito?

Logo que se adere ao Cadastro Positivo, certamente a pontuação sofrerá alteração, com a inclusão dos próximos registros. Ao longo dos meses, a sua nota de crédito irá aumentar ou diminuir e isso dependerá somente de você. Ou seja, se você atrasar pagamentos ou deixar o seu nome ser negativado, tudo isso interfere.

Como aumentar seu score de crédito?

Para aumentar o seu score de crédito, é necessário adotar algumas ações, como manter os seus dados permanentemente atualizados juntamente aos birôs de crédito, pagar sempre as suas contas em dia, e manter uma boa relação com o mercado de crédito. Somente assim, com o tempo será possível construir uma boa nota de crédito, que favoreça a sua relação com o mercado.

Por fim, se mesmo assim você pretende sair do Cadastro Positivo, leia este artigo aqui.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Imagem: Roman Samborskyi via shutterstock



Fonte >Seu Crédito Digital

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *