quarta-feira , abril 1 2020
Home / PET / Homem é acusado de ‘tratar’ cães sem licença veterinária; cliente afirma que seus filhotes morreram

Homem é acusado de ‘tratar’ cães sem licença veterinária; cliente afirma que seus filhotes morreram

As autoridades de North Smithfield receberam um relatório sobre um “médico” de animais local que supostamente estava “tratando” animais doentes sem qualquer licença veterinária. A mulher que foi vítima de seus serviços enganosos afirma que John Froias, de 54 anos, não soube cuidar de seu buldogue francês e causou a morte de toda a sua ninhada devido a negligência.

John, que dirigia a instalação de spa para animais de estimação chamada “Doggie Styles”, agora está enfrentando inúmeros processos. Muitos ex-clientes também se apresentaram para compartilhar sua terrível experiência com John. Alegadamente, John costumava lidar com cães de forma grosseira. Um cliente até afirmou que John prendeu seu pastor alemão na parede para tentar sufocá-lo.

Leia Também: Cachorrinha acaba sendo atropelada ao tentar perseguir carro do homem que a abandonou

Quanto ao caso atual de filhotes mortos, os investigadores dizem que John sabia que os filhotes estavam muito doentes, mas ele os deixou morrer sem procurar ajuda especializada. Enquanto isso, o Departamento de Gerenciamento Ambiental revogou a licença de seu estabelecimento.

Os policiais informaram que John foi preso, mas logo depois liberado sob fiança de 5.000 dólares. Ele foi acusado de 15 crimes no total: 4 de crueldade com animais, 4 de cuidados inadequados de cães, 5 de práticas não licenciadas de medicina veterinária, 1 de obstrução de um oficial e 1 de ataque simples.

John foi negado posse ou controle de qualquer animal, além de não poder fornecer serviços baseados em cuidados com os animais. O homem está se defendendo, alegando que “nunca afirmou ser um veterinário”.

As investigações ainda estão em andamento e esperamos que a justiça seja feita!

Leia Também: Policial desce barranco ingrime para salvar cãozinho desnutrido: ‘Ele estava ali há dias’


Gostou da matéria? Compartilhe este artigo. Isso nos ajuda a espalhar bons conteúdos nas redes sociais. Obrigado!

Fonte > Portal do Animal

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *