quarta-feira , dezembro 2 2020

Como Melhorar sua Auto Estima e Acalmar sua Mente

Compartilhe

É mais do que normal as pessoas desejarem agradar a todos a sua volta, mas você sabia que isso é prejudicial a você querer agradar todo mundo a toda hora?

Hoje em dia, uma das principais causas do sofrimento que as pessoas acreditam ter dentro de si, sem dúvida é a culpa. Nossa preocupação em querer agradar a todos acaba tornando a nossa própria vida as vezes um mar revolto. Você pode dizer a si mesmo que isso não se aplica a você; que não se preocupa em se ajustar às preferências das outras pessoas, mas de certa forma, isso é algo que todos nós já fizemos em algum momento.

Querer agradar principalmente aquelas pessoas que nos fazem mal, é um tormento e isso deve ser tratado.

black woman standing near green plant
Photo by Matheus Henrin on Pexels.com

Os seres humanos, para fazer parte de ambientes sociais mais agradáveis (clubes, festas e círculos sociais) as vezes são programados para se harmonizar, para se sintonizar com os outros, mas isso na maioria dos casos força a pessoa a ser aquilo que ela não é ou não gostaria de ser.

Isso geralmente requer ter que agradar os outros, ser cortês e até mesmo dizer “sim” quando temos vontade de dizer “não“. Esse “sim” constante pode produzir traumas e até distúrbios.

Isso só para agradar ao seu círculo, o que pode acarretar em transtornos que só terapeuta ou um psicólogo pode ajudar a trazer de volta a personalidade da pessoa novamente ao seu normal.

Veja alguns possíveis Sintomas deste Distúrbio:

  • Não costumam expressar muito afeto, sendo considerado por muitos, uma pessoa fria e distante;
  • Sentimentos de hostilidade, irritabilidade e ansiedade;
  • Medo excessivo do desprezo;
  • Tendência a guardar rancor;
  • Inclinado a distorcer as coisas e interpretar sempre com maldade as ações das pessoas;
  • Predisposto à autovalorização (sempre) em excesso.

A chave para não cair nas armadilhas da supervalorização dos demais (amigos, filhos, clientes entre outros) é encontrar um equilíbrio entre assertividade e inteligência emocional. Todos gostamos de agradar aos outros, mas isso nunca deve fazer você se sentir obrigado a agradar a todos constantemente. Você não pode ser tratado como um objeto!

A necessidade de Agradar e ser Amado

As pessoas precisam “ser queridas” e qualquer pessoa que pense o contrário pode estar se enganando. Na era das redes sociais, ser amado significa ser compartilhado. Se você gosta de fazer amigos não dá para negar que, às vezes, você tem que abrir mão de um pouco de terreno em favor da sua família e até de amigos.

No entanto, desistir um pouco não significa perder muito. É apenas manter um equilíbrio saudável para que todos possam coexistir. Se formos egoístas, estabelecendo limites e sempre construirmos paredes a nossa volta, podemos esquecer o que significa viver em uma sociedade livre e justa.

A pergunta que provavelmente está passando pela sua mente agora pode ser: Onde é o limite? Onde é a fronteira entre o “eu” e o que a sociedade exige que eu me encaixe? E o mais importante! Quem poderá me ajudar?

É um caminho para se Descobrir

Cada ser humano é um universo em miniatura, e tem sua própria essência. Essa virtude só sua é essência que nada mais é do que toda a sua experiência de vida mais os seus valores e emoções:

Essa jornada pessoal durante a qual você descobre quem você é é um processo que dura a vida inteira. Durante a adolescência, é comum querer agradar e você desembarcou no mundo como ser social em busca das primeiras experiências e precisa, acima de tudo, se sentir integrado.

anonymous tourist taking photo of starry sky while standing on road
Photo by Dylan on Pexels.com

Isso pode fazer com que muitos jovens às vezes se sintam uma séria desconexões entre o que é e o que as vezes a sociedade mostra como “normal” ou aceitável. As vezes muitos jovens se perdem na vida por fal de uma orientação adequada nos seus primeiros anos de vida adulta.

A sociedade pede que você seja atraente, perfeito e independente e em muitas vezes nós nos sentimos bem a mesmo estando ao contrário do “normal” As vezes vestir um jeans rasgado é muito mais bonito aos olhos do que um jeans simples e novo. Isso é a beleza do universo de cada ser humano. Ser hum universo em desencanto!

Todos já passaram por esses estágios apenas para descobrir que o equilíbrio interior é a parte essencial que faz você se sentir único, especial e diferente dos demais. As vezes se descobrir o que você é, faz todo o sentido de uma vida.

Seja você mesmo e não uma Caricatura

Longe do que muitas pessoas acreditam, ser você mesmo não é fácil, as vezes e quase sempre é necessário um pouquinho de orientação profissional ou até mesmo uma mão amiga.  Por um lado, você tem que enfrentar as expectativas do seu entorno, família, sociedade e trabalho:

man wearing face mask
Photo by Korhan Erdol on Pexels.com

Espera-se que sejamos bons filhos, parceiros amorosos e funcionários eficazes.

Embora às vezes você esteja apenas experimentando quem você, a sociedade vai te pedir experiências que irão contra os seus valores morais. A aventura de ser você mesmo exige que você experimente pequenos confrontos, goste ou não. Isso não é errado, mas exige de você disciplina para não cair em certas armadilhas!

Nem todo mundo tem o seu “Bom Gosto”

O mundo não vai acabar com um “não, não gosto de você”; na verdade, isso abre outras oportunidades. Se você se esforça todos os dias para ter todos como você, pode se afastar de si mesmo.

Se alguém não tem o seu “bom gosto” para valorizar a sua persona, seu sorriso, e o seu senso de humor e a paixão pela vida – não se preocupe. Para cada pessoa que faz uma cara de nojo, existem dezenas de outras que terá a apreço pela sua enorme simpatia. Para muitas pessoas, um sorriso é uma facada! E para outras um sorriso é um enorme abraço carinhoso!

A sua vitalidade define você e o torna um ser único e pode ser amado do jeito que você é.  Portanto, não hesite em aproveitar cada dia como uma aventura de autodescoberta.

Como Acalmar sua Mente Inquieta

 Embora seja difícil controlar no início, é possível aprender a controlar uma mente inquieta e desligar o ruído para que você possa alcançar a paz interior, hoje em dia há muitas técnicas para controlar o ruído mental e no site https://www.betterhelp.com há muitas forma e profissionais que são especialistas nessa área.

Como Melhorar sua Auto Estima e Acalmar sua Mente
Photo by Valeria Ushakova on Pexels.com

Uma mente inquieta não dá trégua nem descanso.  Você acaba pulando de uma preocupação para outra, do medo para a ansiedade. Você lentamente acaba tecendo teias complexas em seu cérebro que lhe roubam aquele privilégio incrível conhecido como paz interior.

Algumas pessoas podem confundir esse conceito de mente inquieta com curiosidade e produtividade.

Embora seja verdade que a energia interna às vezes reflete o desejo de aprender, na maioria das vezes essa inquietação é na verdade apenas um ruído mental que causa confusão, exaustão e infelicidade.

Uma mente inquieta é um Oceano Turbulento dentro de Você

Costuma-se dizer que “não há pior inimigo do que aquele que você cria em sua própria mente”

Mas em vez de ver isso como responsabilidade exclusiva, você precisa ver esse estresse interno como uma combinação sutil de várias coisas.

Com certeza, se você se perceber, que pode conseguir um pouco de paz interior, e esses 5 passos poderá ser de grande ajuda.

Como Melhorar sua Auto Estima e Acalmar sua Mente
Photo by Pelipoer Lara on Pexels.com

1. Livre-se do Desnecessário na sua Rotina

Você está carregando isso por aí, embora não possa ver. Assim que começar a identificar o que produz esses ruídos dentro da sua mente você se sentirá melhor.

  • Cerque-se de pessoas boas e fuja de pessoas que roubam sua energia .
  • Priorize coisas benéficas para você.
  • Entenda que “menos é sempre mais”.

2. Pare um pouco e Respire!

Desligue um pouco o ruído na sua mente. O passado já se foi e você não pode editá-lo! O futuro ainda é incerto e não existe. Portanto, concentre sua atenção no hoje e no agora!

  • Respire, mas respire fundo e com vontade! Segure por cinco segundos. Em seguida, expire alto.
  • Este simples exercício, acredite ou não, irá liberar sua mente. Leva oxigênio ao cérebro e o ajudará a se sentir calmo.
  • Quando seu corpo se sentir bem, é hora de se conectar com você mesmo.
  • Em seguida, pergunte-se : O que eu estou procurando?

É uma boa ideia praticar este exercício todos os dias, assim que você se levantar pela manhã. É quase uma oração para você mesmo! Sinta o seu deus interior e liberte-se!

3. Construa suas Paredes de Proteção

Uma mente inquieta sofre porque é muito permeável, muito penetrável as mídias, aos problemas alheios que não lhe pertencem. Permite que as preocupações externas surjam, junto com os egos e interesses das pessoas ao seu redor. Quando a energia negativa interrompe sua paz interna, ela se entrelaça com suas fraquezas pessoais. Esta é uma combinação terrível.

Você precisa construir suas próprias paredes da seguinte maneira:

  • Afaste-se de coisas que não o colocam em harmonia. 
  • Não crie laços com pessoas que fazem tempestades em um “copo de água”.
  • Fuja e afaste-se de de pessoas desrespeitosas. Perdoe-os, mas deixe-os ir.

4. O silêncio Cura Tudo

Pelo menos uma vez por dia, por uma hora e meia, duas horas, você precisa se banhar em silêncio absoluto .

  • Esses momentos de paz e tranquilidade interna permitirão que você se conecte com suas necessidades e acalme uma mente inquieta.
  • Mentes nervosas que saltam de uma preocupação para outra se esqueceram de cuidar de si mesmas.  Eles não se lembram mais do quão valioso ou importante você é.
  • Relaxe no silêncio e desligue seus medos e vozes internas. Deixe-se envolver por sentimentos como satisfação, paz interior e equilíbrio entre o coração e a mente.

5. Cultive a Gratidão

Este aspecto é sem dúvida o mais complicado de realizar.

Relaxe e reflita sobre os seguintes pensamentos:

  • Se você se sente mal por pessoas que não o amam, afaste-se.
  • Se você se sentir desconfortável, pense um pouco:
  • Desligue esses sentimentos e lembre-se de que você é valioso.
  • Agradeça pelas pequenas coisas que o cercam!
  • Agradeça por estar bem fisicamente, e pelas pessoas que você ama.
  • Aprenda a agradecer a cada novo dia. 
  • Novas oportunidades se abrem todos os dias para que você possa alcançar seus objetivos.

Ilumine-se

Seja feliz, fique calmo, seja equilibrado! Todas estas dicas podem favorecer para que você se liberte de muitos medos amarras mentais que você mesmo pode ter criado. Estas correntes mentais as vezes são tão fortes, mas invisíveis aos outros. E é por isso que deixamos claro que tudo depende exclusivamente de você.

Mas se mesmo assim você ainda precisar de uma ajuda altamente profissional para curar distúrbio de personalidades, melhorar sua auto estima e acalmar a sua mente o site https://www.betterhelp.com aconselha e trata de relações afetivas e pode ajudar qualquer pessoa com este tipo de sintoma.

Quem sabe ele certamente ele vai te ajudar.

Deixe uma resposta