quarta-feira , dezembro 2 2020

ADVFN News | Fleury (FLRY3): o importante é ter saúde

Compartilhe

Conheça a empresa que preza pela saúde de ferro dos brasileiros e que tenta não deixar de lado a dela também

Nunca antes na história deste país e de nenhum outro a saúde esteve tão em evidência quanto no ano de 2020, quando houve o boom de casos relacionados à pandemia de Coronavírus. Em meio a isso está o Grupo Fleury (BOV:FLRY3), uma empresa de prestação de serviços médicos e medicina diagnóstica que atua desde 1926. Apesar do ano conturbado de 2020, ela se manteve firme, mostrando que a experiência aliada à tecnologia é capaz de vencer qualquer barreira, principalmente a de isolamento social.

Para continuar saudável em meio à pandemia, a companhia intensificou seu atendimento móvel. De acordo com relatório trimestral (3T20), a empresa afirma que, “Assim como fazem com outros aspectos de suas vidas, os clientes agora querem receber serviços de saúde em casa – uma necessidade que percebemos e à qual nos adaptamos rapidamente. Os serviços de atendimento móvel cresceram 113%, alcançando 8,5% da receita. O que nos deixa ainda mais orgulhosos é que as pessoas que estão abrindo as portas de suas residências para nos deixar entrar ficam extremamente satisfeitas com a qualidade do serviço prestado. O NPS do atendimento móvel foi de 81,9% do trimestre” .

Ao mesmo tempo, O Grupo Fleury também investiu em seus médicos, preparando-os para poder atender de modo ainda mais eficaz os pacientes. A empresa fechou uma parceria com a Kunumi para usar a inteligência artificial a fim de auxiliar médicos no diagnóstico de Covid-19.

Com a flexibilização das restrições de distanciamento social e a retomada da mobilidade urbana, os procedimentos eletivos tiveram aumento, voltando aos patamares pré-pandemia. De acordo com o Grupo: “Nosso trabalho incansável nas nossas centenas de unidades de atendimento, a transformação cultural e digital que conduzimos nos últimos anos e os laços de confiança construídos com nossos stakeholders são a razão de nossa recuperação rápida e consistente. Estes elementos formam uma combinação única e poderosa, que nos legitima como líderes na transformação do mercado de saúde”.

A meta de expansão orgânica das unidades de atendimento, por exemplo, não foi alterada. A empresa projetou um guidance de 73 a 90 novas unidades entre os anos de 2017 a 2021 e o plano ainda segue forte. Atualmente, ela possui três modelos de negócios:

  • Unidades de Atendimento – 222 unidades (que respondem por 84% da receita) nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Bahia, Paraná e em Brasília (Distrito Federal).
  • Operações em hospitais –presença em 25 instituições (que correspondem a 15% da receita) com a realização de exames e diagnósticos.
  • Laboratório de referência –600 laboratórios (responsáveis por 1% da receita) recebem testes de média e alta complexidade realizados pelo Grupo.

Outra ação do Grupo ainda em 2020 foi o investimento de R$ 50 milhões para criar um “marketplace”, o chamado Saúde iD. Ele possibilita que os pacientes possam agendar e fazer teleconsultas, agendar consultas presenciais, acessar e marcar resultados de exames, consultar prontuário. Segundo Carlos Marinelli, CEO do Grupo Fleury: “assim como em mercados como a China, onde plataformas de saúde como Ping An se tornaram a principal avenida de crescimento do setor, temos convicção de que a Saúde iD vai ser um vetor de expansão acelerada para o Grupo Fleury”.

A intenção também é integrar ao sistema serviços de entrega de medicamentos e de alimentação saudável, além de promover parcerias com drogarias e hospitais.

Pioneirismo saudável

Para conseguir manter a saúde dos números, a companhia precisou contar com muito do que já tinha feito também nos últimos anos, principalmente em se tratando do uso da tecnologia. Para se ter uma ideia, a Organização Mundial da Saúde decretou o início oficial da pandemia no dia 11 de março de 2020. Apenas dois meses depois, considerado tempo recorde, o Grupo Fleury criou um teste diagnóstico de Covid-19 inédito no mundo.

Certamente deu muito trabalhado realizar esse grande feito, mas o Grupo se orgulha de já ter tecnologia suficiente para enfrentar esse tipo de situação. Segundo a empresa: “O novo teste para Covid-19 está baseado no método de proteômica direcionado por espectrometria de massas, tecnologia já utilizada há quase 20 anos no Grupo Fleury, e analisará proteínas do novo coronavírus diretamente de amostras clínicas do trato respiratório”.

O teste foi feito usando menor custo que os testes-padrão e ainda com a vantagem de poder ser transportado em temperatura ambiente, o que permite levá-lo a regiões mais remotas do país, facilitando o acesso da população. MacGyver teria orgulho.

Desde 2007, o Grupo mantém a chamada gestão do conhecimento, que, segundo ele, permite criar produtos e serviços pioneiros, com qualidade médica reconhecida nacional e internacionalmente. De acordo com relatório da companhia, em 2014 o Grupo criou 67 produtos. Em 2018, esse número saltou para 177.

O histórico da empresa é todo marcado por projetos que deram muito certo e que a colocaram como exemplo para muitas outras companhias da área da saúde:

  • 1952 – Primeiro laboratório a contar com um especialista em cada área da patologia clínica.
    1982 – Primeiro a implantar um sistema informatizado para atender os clientes.
  • 1983 – Primeiro a oferecer soluções de medicina integrada.
  • 1994 – Primeiro a implantar um sistema de código de barras para uma identificação segura de exames.
  • 1998 – Primeiro do mundo a disponibilizar os resultados de exames pela internet.
  • 2014 – Pioneiro em realizar teste diagnóstico da febre chikungunya.

Primeira no Índice Dow Jones de Sustentabilidade

Além de ser uma empresa com destaque de pioneirismo em diversas frentes, agora ela passa a integrar mais um grupo seleto: o Índice Dow Jones de Sustentabilidade (DJSI) da Bolsa de Valores de Nova Iorque, na carteira DJSI Emerging Markets 2020/2021. Somente 100 empresas compõem a carteira, sendo o Grupo Fleury o único do setor de saúde nas Américas a entrar para esse índice.

De acordo com o comunicado da empresa sobre esse fato relevante: “Esse reconhecimento é motivo de muito orgulho para a companhia, que já integra a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial da B3 (ISE) por sete anos consecutivos. Sua participação no DJSI reforça ainda mais sua consistência de atenção permanente aos princípios ESG (de práticas sociais, econômicas e ambientais) em sua estratégia de negócios, reforçando as relações de confiança com seus clientes, colaboradores, médicos, acionistas e comunidade”.

Entre as ações da empresa, algumas merecem destaque:

  • Diminuição da geração de resíduos e economia de recursos naturais (energia, água e papel).
  • Substituição de equipamentos contendo mercúrio metálico. Mais de 400 equipamentos, como termômetros, foram substituídos por alternativas digitais.
  • Criação de unidades que levam em consideração, desde o projeto até a fase das obras, requisitos de sustentabilidade.
  • Gestão do impacto de mudanças climáticas por meio de ações sobre as emissões de gases de efeito estufa dentro das atividades realizadas pelo Grupo e daquelas de terceirizados.
  • Realização de programas sociais, como o Conecta Saúde, feito em parceria com a Philips do Brasil, para levar conhecimento de doenças sexualmente transmissíveis, uso de drogas e gravidez precoce a todas as regiões em que o Grupo atua.

Desempenho FLRY3

Entre tantas ações da empresa, para o investidor vale muito conhecer uma em específico: a FLRY3. O gráfico a seguir mostra como tem sido o desempenho delas nos últimos cinco anos:

WhatsAppImage2020-11-20at13.23.55

Obs.: a última cotação data de 20 de novembro de 2020.

De acordo com a Toro Investimentos, alguns pontos positivos da empresa, e consequentemente da ação dela, são:

  • Expansão de unidades de atendimento e novos negócios, com perspectiva de ingressar em novos estados.
  • Nível de satisfação do cliente (NPS) elevado.
  • A empresa investe bastante em seu processo de transformação digital, visando elevar o nível de serviço e ganhos de eficiência.
  • Setor da saúde se beneficia do cenário de envelhecimento e aumento da expectativa de vida da população (de acordo com a empresa, em 2020 a expectativa está em 76, mas em 2030 passa para 78 e em 2040 chega a 80).

Como pontos negativos, entretanto, existe a elevada taxa de desemprego e a alta competitividade no setor de medicina diagnóstica. Dentro do segmento de atuação do Grupo Fleury na bolsa, por exemplo, temos diversas companhias: Advanced DH (ADHM3); Alliar (AALR3); Dasa (DASA3); Hapvida (HAPV3); Ihpardini (PARD3); Intermedica (GNDI3); Odontoprev (ODPV3), com a qual a Fleury já tem parceria; e Qualicorp (QUAL3).

Veja um comparativo entre as ações dessas empresas na bolsa, de 03/04/2018 a 20/11/2020:

Capturar2

Saiba mais

Quer conhecer ainda mais a Fleury em termos de números e ainda ver informações EXCLUSIVAS sobre ela? A ADVFN analisa graficamente em tempo real todas as companhias da bolsa, incluindo Fleury.

Além de gráficos, você pode consultar uma análise completa da empresa e ter informações exclusivas sobre ela. E quer saber FLRY3 é um investimento que está de acordo com seu perfil de investidor? Com o scanner ADVFN, você tem um raio-x ainda mais completo das empresas, com sugestões de compra de acordo com seu perfil de investimentos.

Fonte > BR ADVFN

Deixe uma resposta